Será um calvário de 25 anos de cadeia para Rosa Grilo pela morte do triatleta, Luís Miguel Grilo. Rosa Grilo, foi condenada ontem pelo assassinato do marido.

A sentença de 25 anos – máxima em Portugal – foi confirmada pelo Tribunal de Loures.
Por outro lado, António Joaquim, foi absolvido da acusação de co-autoria do homicídio e condenado a dois anos de pena suspensa por porte de arma ilegal.

Nas alegações fiinais, o procurador do Ministério Público, Raul Fariias, pediu para os arguidos penas de prisão superiores a 20 anos. Já a defesa de Rosa Grilo e António Joaquim, pediram a absolvição dos constituintes.