Estudo aponta que basta um copo de vinho para causar lesões no cérebro. O estudo foi realizado pela Universidade de Oxford, no Reino Unido tendo por base uma amostra de 25 mil pessoas.

Assim, o consumo de álcool tem um efeito na matéria cinzenta do cérebro – “regiões do cérebro onde a informação é processada” diz Anya Topiwala, investigadora clínica sénior em Oxford, citada pela CNN.

“Quanto mais as pessoas bebiam, menor era o volume da sua matéria cinzenta” e “o volume do cérebro diminui com a idade e mais severamente com a demência”. Assim, “um volume cerebral mais pequeno também prevê um pior desempenho nos testes de memória.”

Também não encontraram provas de que o tipo de bebida – tal como vinho, bebidas espirituosas ou cerveja – afetasse os danos causados ao cérebro. “Como ainda temos de encontrar uma ‘cura’ para doenças neurodegenerativas como a demência, o conhecimento de fatores que podem prevenir danos cerebrais é importante para a saúde pública”, esclareceu ainda Anya Topiwala.