DiCaprio doou €10 milhões para proteger os animais e o planeta. O actor de 44 anos , anunciou num comunicado à imprensa que doará esse valor do seu património para programas de protecção e conservação ambiental com o objectivo de combater e desacelerar as mudanças climáticas.

O montante será doado através da fundação do próprio actor, conhecido em Hollywood pelo seu activismo pela defesa do meio ambiente.

A Leonardo DiCaprio Foundation (LDF) foi criada em 1998, quando o actor tinha apenas 23 anos, afim de proteger milhões de quilómetros quadrados de área pertencente à vida selvagem, além de oferecer assistência a espécies ameaçadas de extinção.

Di Caprio diz que “a mudança climática é uma realidade e está a acontecer agora. É o maior perigo que ameaça a humanidade”.

“Hoje estamos a ampliar significativamente o nível das nossas concessões. E também as nossas colaborações com parceiros estratégicos para resolver alguns dos problemas climáticos mais prementes”, complementa.

Em 21 anos de existência, a LDF financiou mais de 200 projectos em 50 países e 5 oceanos. Além disso, a fundação mantém parceria com 132 organizações de direitos dos animais, já tendo doado milhões para causas de protecção e conservação ambiental.

De acordo com o portal Mimorelia, graças ao investimento maciço de DiCaprio em iniciativas de protecção da fauna e flora, espécies como as girafas – que corriam o risco de entrar na lista de espécies ameaçadas de extinção – agora estão mais protegidas do que nunca, cujas populações voltaram a aumentar após décadas de decréscimo constantes.

Créditos: CatioroReflexivo