Festa do Avante: O PCP apresentou as medidas de segurança. Verdade é que muito se têm oposto a este festival quando todos os outros foram proibidos.

Jerónimo de Sousa insiste na ideia da realização da Festa do Avante quando muitos a consideram um verdadeiro atentado à saúde pública.

Verdade é que o Partido divulgou as “medidas sanitárias” que aparentemente vão permitir que os 3 dias de Festa no início de Setembro decorram sem riscos.

A festa acontece na Zona da Grande Lisboa, na Atalaia (Seixal), onde há inúmeros casos de Covid-19, já para não fala que a mesma atrai as delegações comunistas de todo o país, que se reúnem no local para confraternizar e beber uns copos…

Não é preciso ser doutorado em Epidemiologia para ver que a meio de uma pandemia isto não é boa ideia mesmo com todos os cuidados programados. Se fosse uma ideia genial, todos os restantes festivais estariam também de portas portas.

Não menos verdade é que há muitos interesses em jogo, muito dinheiro em cima da mesa e esta é Festa que financia a atividade do partido e lhe permite continuar a ter votos.

Créditos: Ainanas