Um estudo americano afirma que os homens apenas se tornam adultos aos 54 anos. Já existem estudos que afirmam que que a mulher amadurece mais cedo. A mulher tem um “prazo” um pouco mais curto que o homem para poder ter filhos e formar a sua família (isto é, se esse for o objectivo).

No entanto, o estudo efectuado com 1000 homens realizado pelo Centro Crown Clinic, em Manchester e divulgado pelo jornal “The Telegraph”, revela que apenas aos 54 anos os homens amadurecem.

De acordo com a pesquisa, os homens levam mais tempo do que as gerações passadas a “crescer” e a aproveitarem a vida como “adultos de verdade”. Muito pelo facto da pressão financeira e paternidade adiada.

Hoje em dia as pessoas têm mais noção de que casar e ter filhos é algo que traz um enorme encargo e optam por adiar a constituição da própria família por precaução. Além disso como a mulher está cada vez mais independente e já não há pressão por parte das famílias para casar este processo torna-se ainda mais demorado.

Há diversos factores sociais que influenciam este adiar de crescimento. Também o facto de cada vez mais ser importante investir numa carreira profissional sólida e se passar muitos anos a estudar contribui para este “atraso”.

Assim, os homens de hoje em dia não são uma geração sem maturidade, mas sim uma geração mais ponderada e equilibrada pesa todos o prós e contras antes de mergulhar de cabeça em algo que requer tanta responsabilidade.

Miguel Teixeira um dos mil inquiridos neste estudo, de de 45 anos e arquitecto, afirma: “A verdade é que não sinto a maturidade que os 45 anos poderiam fazer crer. Vejo-me, seja em termos físicos ou emocionais, como se tivesse entre os 20 anos de idade e os 30. Sempre que posso gosto de reviver esses tempos de maior liberdade e ‘irresponsabilidade’.”  

Asim Shahmalak, investigadora do estudo revela ainda que: “Vivemos muito mais tempo e com os custos de vida a aumentar e a paternidade a ser adiada, os homens levam, inevitavelmente, mais tempos para se sentirem resolvidos”.

Assim, se já estás na casa dos 30, não casaste, não tens filhos, nem tão pouco tens uma relação estável, não te culpes, a culpa não é tua, é da sociedade em geral que com o passar dos tempos altera os seus padrões.

Estuda, viaja, junta dinheiro, conhece pessoas. Quando chegar a hora vais constituir a tua família.

Partilha