Jorge Jesus deu estoiro ao Sport Lisboa e Benfica: “Estou farto de engolir sapos vivos“. O regresso de Jorge Jesus ao Benfica foi “sol de pouca dura” e chegou no inicio desta semana.

Após a polémica com Pizzi no dragão, Jesus optou por afastar Pizzi, impedindo-o de fazer parte no treino, o que motivou a reação de alguns colegas que solidários com o colega também se recusaram a treinar havendo assim anulação do treino.

Mais tarde, o ex treinador dos encarnados confessou:“Estou farto de engolir sapos vivos. O Braz minou isto tudo”.

A Rui Cost disse então não ter condições para ser treinador de um clube onde são os jogadores que mandam. “Nenhum treinador será campeão aqui nestas circunstâncias”, referiu.