A madrasta de Valentina pode pedir que a filha que a filha permaneça com ela na prisão já que esta tem capacidade para acolher crianças até três anos de idade,.

Segundo avança o Correio da Manhã, a decisão ficará a cargo do Tribunal de Menores e Família após receber o processo proveniente da Comissão de Proteção de Crianças e Jovens.

Não havendo quaisquer suspeitas de maus-tratos às filhas, a decisão é a favor da madrasta de Valentina. O superior interesse das crianças será sempre o mais importante. Caso a família que as acolha demonstre que tem condições para as criar, as duas meninas poderão ficar na casa dos tios paternos.