Marta tem duas balas na cabeça e é um exemplo de resiliência! Ela foi baleada pelo ex-namorado, aos 21 anos, quando estava num café com uma prima que acabou por falecer.

Estávamos em 2015, quando Marta Nogueira terminou o namoro com o namorado Manuel, 10 anos mais velhos do que ela.

Ele não aceitou o término do namoro e tentou matá-la com dois tiros na cabeça. A jovem não morreu e ficou “ventilada mecanicamente e exibindo dois ferimentos de bala, um dos quais tinha atravessado completamente o crânio, com hemorragia e inundação ventricular e uma outra bala que se tinha alojado no espaço paravertebral ao nível cervical, embora aparentemente sem compromisso medular. É uma situação muito complicada”, afirmaram os clínicos.

Por incrivel que pareça, Marta sobreviveu e foi reconhecido um grau de incapacidade de 90%, o que não a desmotivou.

Sujeita a mais de 30 cirurgias, a jovem tem conseguido recuperar alguma independência como andar e falar. A mãe, a sua força de vontade e a sua resiliência têm sido tem sido fundamentais na sua recuperação.