Questão de CR7 na seleção ainda está por resolver, afirma o comentador da CNN Portugal, Luís Miguel Henrique.

No programa desportivo da CNN, o comentador, o jogador futebol português pode não ser bem recebido no regresso à seleção e deu como exemplo as declarações de Bruno Fernandes no Manchester onde disse que agora jogavam mais como “equipa” coesa.

Na opinião do também advogado, Roberto Martinez não deveria ter tido como prioridade ir à Arábia Saudita falar com Cristiano Ronaldo. Ele vai mais longe e afirma que o selecionador devia, em primeiro lugar, falar com os jogadores de Manchester, até porque são cinco portugueses, ao passo que na Arábia é apenas CR7.

Já Bruno Andrade apoia a decisão do espanhol, por estarmos na presença da figura maior do futebol português acrescentando que os cinco jogadores do Manchester não têm metade do currículo de Ronaldo, além de que CR7 é capitão e deve ser uma prioridade para o selecionador nacional.