Um pé em Janeiro e o coração deixando para lá o que não cabe na bagagem do novo ano. É tempo de reciclar. Tempo de te amares mais. Tempo de fazer bonito. Tempo de viver o novo e de viver o que ainda não foi vivido.

Usa branco, mas acima de tudo sente paz. Sente a conexão da tua alma com a conexão de forças maiores que te trarão sustentação a nível físico e espiritual.

Usa a cor que quiseres desde que mentalizes vitórias, alegrias, sucesso, amor e tranquilidade interior. Desatrela-te do passado e pára de andar para trás.

Limpa a tua casa, mas também limpa a tua alma, limpa todos os sentimentos maus.

Limpa todo mal que te ofereceram, limpa o teu coração, limpa e perdoa o que já foi.

Se queres o novo, sê novo, abre espaço, procura confiança para que o sol desponte na tua janela como forma de vibração, energia e luz.

Tudo será realmente novo se desapegares das coisas ultrapassadas, velhas e sem utilidade. Chance de tentar tens; chance de crescer, também.

Não te diminuas, são se aperte tanto naquele modelinho que já saiu de moda e que já não lhe serve mais.

A partir do momento em que te amas e te idealizas como uma pessoa melhor, mais feliz, a vida entra em comunicação com o teu interior. Comemora as tuas vitórias e agradece por tudo o que superaste.

Se algo não saiu como gostarias, não te preocupes. A mão de Deus atua sobre cada destino. Não te atormentes mais pelos sentimentos do passado nem te excluas da própria vida.

Se um dia foste excluído de alguma situação ou da vida de alguém, fica a saber que foi para o teu bem. Tudo tem um motivo, tudo tem um porquê!

Então, é hora de te preparares para esse novo ciclo, com menos peso nas costas. É hora de acreditar mais!

Faz o teu pedido, faz mais por ti mesmo. Deus ajuda a quem se ajuda.

Trabalha e sente a tua dignidade elevando o teu coração. Se queres o novo, abandona velhos hábitos. Agora é contigo!

Créditos: Sil Guidorizzi